Quando devo dar o primeiro banho

A resposta sobre quando deve ser o primeiro banho a ser dado no gatinho ou no cãozinho é genérica: pode ser desde cedo.

Tanto em gatos quanto em cães, para manter a beleza da pelagem e a saúde da pele, o início deve ser o mais precoce, geralmente a partir dos 3 meses

Quanto mais cedo for o primeiro banho, mais fácil será o animal se acostumar com algo que é benéfico para ele, e o hábito facilitará para que ele não se torne rebelde no momento de receber essa higienização tão saudável para ele.

De quanto em quanto tempo

Quem já observou gatos percebeu que eles vivem se limpando todos os dias, lambendo-se e tentando de alguma forma livrar-se de incômodos aos seus pelos.

Isso, ao contrário do que muitas pessoas acham, não o livra de banhos regulares, já que é necessário um banho mais completo para retirar as impurezas que vão se acumulando.

Os pelos deles vão ficando, sim, sujos, mesmo com tanta autolimpeza que eles promovem.

Por outro lado, dar-lhes banho com muita frequência, principalmente com xampus não apropriados, também pode ser prejudicial, trazendo-lhes algum tipo de incômodo que o leve a se coçar incessantemente.

O equilíbrio sempre deve ser buscado!

E qual é a frequência ideal, então?

Em média, uma vez por mês é a frequência ideal para animais de estimação sem nenhum problema dermatológico específico.      

No caso de animais com algum problema de pele, sempre é recomendável a consulta ao veterinário, que pode prescrever para o animal, entre outras coisas, um xampu específico que seja perfeitamente adaptado ao animal, a fim de ser aplicado uma ou duas vezes por semana, a critério do especialista.

As condições corretas

Sempre é bom saber que, para animais com pele seca ou com algum problema de alergia, a temperatura da água deve ser bem observada.

O calor pode aumentar o problema de secura na pele e reativar eventuais inflamações.

A água fria ou, no máximo, morna é a aconselhável.

 

Organização

Antes de iniciar o ritual, já deixe separados xampu, toalhas e acessórios que julgue interessantes para um banho ou que sejam prescritos para casos específicos.

O local deve ser adequado.

Se ao ar  livre, num dia preferencialmente ensolarado; se dentro de casa, numa banheira ou no chuveiro, deve-se usar um tapete de borracha para evitar escorregadelas do animal ou mesmo da pessoa que estiver dando o banho nele. 

Deve-se inicialmente enxaguar a pelagem do animal para remover os nós que possa apresentar, daí distribuir a água por todo o corpo dele a uma temperatura sempre abaixo de 36 ° C antes de aplicar o xampu.

Qualquer produto como xampu ou algum produto indicado deve ser aplicado da parte de trás até as pernas, com massagens na pele na direção contrária à do crescimento dos pelos.

O contato com olhos, orelhas e focinho deve ser evitado ao máximo, para que o animal não se irite.

O xampu deve ser deixado por, pelo menos, 2 minutos para agir.

Com o fim de não deixar seu animalzinho impaciente, procure brincar com ele enquanto ambos esperam a ação do produto. 

Enxágue novamente o animal de cima para baixo, levantando de forma delicada os pelos.

Sempre deve-se ter o cuidado para não deixar vestígios de xampu na pele do animal, já que o produto residual pode causar coceira. 

Seque seu filhote, primeiramente, com uma tolha, para, em seguida, deixá-lo secar-se naturalmente ou, se quiser uma secagem mais rápida, usar o secador de cabelos.

Cuidado: o secador deve ser mantido longe do animal e só ser usado em baixa temperatura. 

E lembrando sempre que ele precisa ser muito bem seco! Qualquer umidade pode vir a causar uma dermatite (problema na pele).

Qual o melhor xampu?

Talvez fosse necessário perguntar, primeiramente, para que usar do xampu.

São vários: auxiliar na limpeza do animal, eliminar odores e fazer brilhar a pelagem do animal. 

Para a escolha, devem ser levados em consideração o tipo de pelos e a pele do animal.

Enquanto, alguns animais têm pele oleosa, outros têm a pele mais seca.

Peles mais sensíveis podem exigir creme hidratante a ser aplicado na pele perfeitamente seca após o banho.

Para animais com problemas de pele, como coceira, infeções, parasitas e outros, o veterinário é o profissional certo para aconselhar um xampu específico. 

Eles são diferentes de nós

Um último lembrete: o  pH da pele dos animais é diferente do dos humanos.

Portanto, é essencial usar produtos que se destinam especificamente a animais, jamais escolher um produto que seja para uso humano, mesmo produtos para bebês, pois podem ser muito agressivos para a pele do seu animal.

 

 


Gostou? Compartilhe com os seus amigos!