5 raças de gatos para pessoas alérgicas

Antes de começar a lista, precisamos saber se você já entende a causa da sua alergia a gatos, já que, geralmente, pode ser alergia à pelos ou alergia à proteína que existe na pele deles!

Vamos explicar um pouco mais: “Alérgeno” é o nome da substância presente nas coisas que nos provocam reações alérgicas.

No caso do gato, esses alérgenos podem ser ácaro e poeira, presentes nos pelos, mas, na maioria das vezes, as alergias mais fortes são por causa das proteínas presentes na pele e saliva do bichano.

Como o animal vive se lambendo, essas substâncias ficam também nos pelos e, geralmente, os alérgenos mais significativos são as proteínas:  FelD 1 e o FelD 4, que se espalham com os pelos caídos na casa, além da caspa de gato também.

E o primeiro gato da nossa lista é o Bengal, que parece um mini leopardo e é carinhoso, companheiro, mas independente também. 

Gato da raça Bengal (gato de bengala)

Sua pelagem é curta, espessa e fina. 

Uma escovação na semana é o suficiente para essa raça

E ele produz menos proteína FelD 1, além de ter uma pelagem que solta menos pelos e também menos caspa.

Logo, pode dar menos alergia

O próximo gato da nossa lista é o Cornish Rex, que tem uma pelagem encaracolada bem diferente e interessante e é curioso, animado, mas também muito companheiro e amoroso. 

Gato da raça Cornish Rex

Sua pelagem é curta, densa e macia. 

Uma escovada por semana já é suficiente pra cuidar dos seus pelos

E ele é considerado hipoalergênico por produzir menos quantidade de FelD 1.

O próximo gato da nossa lista é o Siamês, um gato que adora receber atenção, amoroso e que gosta de estar sempre perto da família. 

Siamês

Sua pelagem é curta e macia. 

Uma escovação na semana também é suficiente. 

E ele também é considerado hipoalergênico por produzir menos Feld 1.

O próximo gato da nossa lista é o Sphynx, que tem uma aparência curiosa por causa da sua falta de pelos e é muito brincalhão e companheiro. 

Sphynx

Ele tem alguns pelos nas extremidades, como nas orelhas, focinho, patas e cauda. 

Sua higiene pode ser mantida com lenços umedecidos pra pets de pele sensível. 

Por não ter pelos, não tem onde acumular a proteína e soltar ela nos pelos que caem.

Mas precisamos dizer que muitos não indicam ele pra pessoas com alergia, já que, mesmo sem pêlos, sendo bom pra quem é alérgico a pelos, ainda existem as proteínas da pele

Então, se você conseguir testar visitando um gatil pra ver se fica confortável perto de um Sphynx, vale a tentativa.

E o próximo gato da nossa lista é o Siberiano, um gato arteiro, que ama água e ama a família, bem calmo e manso.

Siberiano

Sua pelagem é longa e espessa, mas produz pouquíssima substância FelD1

Essa pelagem é maior no pescoço, peito, patas traseiras e cauda, então, pode-se dizer que é médio no corpo e longo nessas partes e vai precisar de duas ou três escovações semanais. 

Precisamos deixar claro, e reforçar, que quando indicamos essas raças pra quem tem alergia, não significa que eles são totalmente hipoalergênicos e que não causam nenhuma alergia pra ninguém

Sim, gatos realmente hipoalergênicos não existem, o que acontece é que essas raças tendem a produzir menos quantidade das proteínas que causam uma alergia significativa em nós, humanos

E hoje, já estão sendo desenvolvidos tratamentos pras pessoas poderem conviver melhor com gatos, então vale dar uma pesquisada

Mas para você que quer ter um gato procure então um alergista pra descobrir qual o nível da sua alergia e qual o alérgeno que mais te faz mal!


Gostou? Compartilhe com os seus amigos!

0 Comments

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *